ÔNIBUS À NOITE EM SCS. FUNCIONA?

Em uma rodada de entrevistas com pessoas que pegam ônibus em São Caetano fora dos horários de pico, a demora é a reclamação mais comum, além da qualidade ruim do transporte. Os passageiros insatisfeitos muitas vezes não têm outra opção de transporte que não o público e enfrentam longas esperas para poder retornar para casa. Nessas péssimas condições, quem abre mão do carro para usar o transporte público na cidade?

É consenso entre especialistas que o investimento no transporte coletivo é a solução mais viável para a cidade enfrentar o trânsito caótico. Mas para isso funcionar são necessárias duas ações: oferecer mais e melhores opções de transporte, investindo em qualidade, rapidez e conforto para os passageiros se deslocarem.

Além disso, é preciso ajustar o preço das tarifas para um valor condizente com o serviço oferecido. Ninguém que tem opções vê vantagem em andar de ônibus com tarifas consideradas altas em relação à qualidade oferecida. Somente tornando o transporte público mais vantajoso que o carro é que o poder público estimula o cidadão a optar por se deslocar de ônibus, bicicleta, trem, metro e até mesmo a pé. Com vias tão saturadas como as que temos hoje em São Caetano, tal tomada de posição faria bem não só para o trânsito, mas também para o meio ambiente e para a qualidade de vida dos moradores.
Infelizmente, a prefeitura segue o modelo que não deu certo em São Paulo. Privilegiando o carro, negligenciando o transporte coletivo e o alternativo e não investindo em um departamento de engenharia de tráfego eficiente. A cidade está parando e vivemos hoje uma situação limite, e que só tende a piorar. Ações nessa área são urgentes! Afinal, queremos poder nos deslocar pela cidade de forma rápida, confortável e não estressante.Defendemos propostas relacionadas aos ônibus para transformar a maneira como as pessoas se deslocam na cidade e melhorar o trânsito:

– A reformulação do sistema de ônibus de São Caetano, com mais linhas, seguindo a lógica de eixos de deslocamento e nos moldes de Bogotá e Curitiba, que funciona como uma espécie de Metrô de superfície, rápido, pontual e confortável.

– A criação de um sistema que garanta velocidade em deslocamentos por trechos mais longos.

– Um sistema de informações sobre os trajetos das linhas e horário dos ônibus em tempo real.

– A criação do bilhete único regional, que trará economia e praticidade para o usuário do transporte público.

– O funcionamento do transporte coletivo 24 horas e o aumento do número de linhas noturnas, garantindo o deslocamento nesse período com segurança e rapidez.

– Adaptar os ônibus da cidade para o embarque com a bicicleta e investir em ciclovias por toda a cidade, inclusive nos bairros. Isso fará da bicicleta um meio integrado aos outros transportes, estimulando novos usuários.

– Investir em iluminação pública e policiamento para incentivar o uso do transporte público à noite.

Veja mais propostas para a mobilidade urbana em SCS: http://thiagocavallini50500.com.br/o-que-queremos-para-a-cidade/transporte-e-mobilidade-urbana/

Conheça uma campanha diferente: http://www.campanhasempapel.com.br/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s